Clique aqui e descubra mais do seu próximo destino. #seuproximodestinoalagoas

Página oficial do Turismo de Alagoas
Cover
Ícone aventura Turismo Alagoas

Seis doces típicos de Alagoas que você precisa conhecer!

Alagoas não é somente um destino de belas praias e paisagens, é também um destino gourmet. Por aqui, os alimentos ganham sabor e temperos especiais, tornando-se mais um produto turístico do Estado. Além dos frutos do mar típicos da região, como o massunim e o sururu, os doces regionais também ganham destaque, encantando o paladar dos visitantes.

Cocada da Massagueira

Famoso polo gastronômico do litoral sul de Alagoas, a Massagueira é repleta de restaurantes na beira da lagoa Manguaba, num visual que encanta os olhos e conquistam os paladares mais exigentes, com pratos incríveis a base de frutos do mar locais.

É nessa região também que encontramos as famosas cocadas, doce feito com coco, açúcar, afeto e muito amor. E tem cocada dos sabores mais diferentes – além da tradicional de coco, tem de goiaba, maracujá, chocolate, morango e leite condensado. Imperdível!

 

Bolinhos de goma de Maragogi

 Localizada no litoral norte alagoano, Maragogi é famosa pelas galés, pelo mar de águas cristalinas e por possuir a segunda maior barreira de corais do mundo. É lá também que você pode provar os famosos bolinhos de goma de Maragogi, um biscoitinho típico da região, que é fabricado artesanalmente, e é uma ótima pedida com um cafezinho.

Não é difícil encontrá-los à venda na cidade – os sequilhos estão às margens da estrada, nas prateleiras das padarias, supermercados e dezenas de vendedores ambulantes os comercializam pela beira das praias.

O bolinho faz tanto sucesso que uma das paradas obrigatórias para muitos turistas é a fábrica da Irmã Marlene, chamada “Fábrica das Sete Mulheres”. São sete mulheres fazendo os sequilhos com as mãos ao redor de uma grande mesa na cozinha. Irmã Marlene recebe mais de uma centena de turistas semanalmente, que chegam sozinhos ou levados por vans de empresas turísticas, para conhecerem o processo produtivo e comprarem os bolinhos diretamente da fábrica.

 

Bolo de Massa Puba

Uma receita passada entre as gerações nas famílias alagoanas, o bolo de massa puba é um clássico regional. Feito com massa puba, uma massa extraída da mandioca fermentada, leite de coco e de gado, manteiga e ovos, o bolo é macio, molhadinho e perfeito para um lanche da tarde acompanhado de um cafezinho. Em Alagoas, você encontra essa delícia em supermercados, padarias e lanchonetes.

 

 

Suspiros

 Feito de claras de ovos e açúcar, o suspiro é outro doce que resgata as melhores memórias de infância dos alagoanos. Na capital alagoana, um personagem famoso vende a guloseima pelos bares e restaurantes da cidade. Trata-se de Luis Eudes da Silva, ou simplesmente o Rei do Suspiro, ex-agente de seguros e ex-professor que, há 15 anos trocou a vida rotineira de salas de aula e reuniões para percorrer os bares e restaurantes mais requintados da capital alagoana, comercializando broas de goma e suspiros, feitos pela sua esposa.

Vendido em diversos pontos do Estado, você encontra os suspiros em supermercados, mercadinhos, restaurantes e hotéis.

 

Broas

 As broas são bolinhos de coco bem típicos e fáceis de encontrar no Nordeste. Parecidas com os bolinhos de goma de Maragogi, os pequenos biscoitinhos podem ser encontrados em todo Nordeste - em padarias, supermercados e pequenos comércios e vão muito bem com um cafezinho no final da tarde.

 

 

Quebra-queixo

“Olha o quebra-queeeixo”. Geralmente, assim é o anúncio de que o doce, feito basicamente de açúcar, coco e amendoim e vendido em tabuleiros de aço pelas praias, centro e ruas de Maceió, está passando. Semelhante à cocada, o quebra-queixo é marca registrada da infância em Alagoas – e encanta pelo gostinho de coco queimado. Uma delícia!

 

 

Nossa newsletter

Cadastre-se e receba nossos informativos com as principais novidades e destaques

Turismo Alagoas
Siga-nos Youtube Turismo Alagoas Instagram Turismo Alagoas Facebook Turismo Alagoas